Notícias

Sharjah, um novo bom negócio

Sharjah, um novo bom negócio

No início de novembro, uma comitiva de editores brasileiros do Brazilian Publishers embarcou para a Feira Internacional do Livro de Sharjah, a quarta maior do setor e a principal no mundo árabe.

 

Apoiadas pelo Brazilian Publishers, uma parceria entre a Câmara Brasileira do Livro (CBL) e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), seis editores representaram o Brasil nos Emirados Árabes Unidos.

 

Durante os dois dias que antecederam o início da Feira do Livro de Sharjah, os editores Karine Pansa (Girassol Brasil), Rita Mattar (Companhia das Letras), Antonio Erivan Gomes (Cortez Editora), Marco Antonio Garcia de Souza (representando as editoras Pallas, Jujuba e Callis), Kin Sampaio (Solisluna) e Suria Scapin (Pipoca) participaram da jornada profissional  movimentando cerca de U$ 136 mil em exportações fechadas durante o evento e previstas para os próximos 12 meses.

 

“Participar da Jornada Profissional e da Feira Internacional do Livro de Sharjah não é apenas uma oportunidade para explorar bons novos negócios mas também uma chance para expandir os nossos horizontes culturais” Luiz Alvaro Salles Aguiar de Menezes, Gerente de Relações Internacionais da CBL.

 

Estiveram presentes na jornada mais de 400 profissionais de 60 países e foram registradas pelo menos 67 reuniões com editores brasileiros.

 

O encontro foi muito importante para os apoiados pelo Brazilian Publishers, uma vez que editores de diversos países, principalmente do Mundo Árabe, têm a oportunidade de apresentar seus títulos disponíveis para a comercialização em mercados internacionais. Um espaço privilegiado para conhecer as tendências e a produção cultural de outros países, trocar experiências e, claro, realizar bons negócios.

 

 

É importante ressaltar que o Brasil fez contatos importantes com países como: Inglaterra, Itália, Japão, Turquia, Rússia, Índia, Canadá, México, Bélgica, Emirados Árabes Unidos, Líbano, Egito, Jordânia e Turquia.

 

“A distribuição geográfica e as diferenças culturais destes países que se interessam pelos livros do Brasil mostram todo o potencial do mercado editorial brasileiro e ressaltam o quanto ele é diversificado”, diz o presidente da CBL, Luís Antonio Torelli.

 

De acordo com os organizadores, mais de 2 milhões de pessoas visitaram a Sharjah International Book Fair para conferir as novidades de 1.690 expositores, vindos de 6o países.

 

Sharjah, um dos Emirados Árabes Unidos, será o Convidado de Honra da Bienal Internacional de São Paulo, que acontecerá de 3 a 12 de agosto do ano que vem.

 

Sobre a CBL

Fundada em 20 de setembro de 1946, a Câmara Brasileira do Livro (CBL) congrega editores, livreiros, distribuidores e creditistas de todo o Brasil com o objetivo maior de valorizar o livro e, assim, desenvolver e ampliar o mercado. As ações para difundir e estimular o hábito da leitura e a democratização do acesso ao livro são as maiores bandeiras da entidade. A CBL organiza alguns dos mais importantes e tradicionais eventos do setor editorial brasileiro, como a Bienal Internacional do Livro de São Paulo, o Prêmio Jabuti, o Congresso Internacional CBL do Livro Digital e a Escola do Livro, além de participar de feiras nacionais e internacionais. Em 2016 a entidade completou 70 anos.

 

Sobre o Brazilian Publishers

Brazilian Publishers (BP) é um projeto setorial de fomento às exportações do conteúdo editorial brasileiro, que resulta de uma parceria entre a CBL e a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). Criado em 2008, o BP tem como objetivo alavancar a participação global do conteúdo editorial brasileiro. O projeto viabiliza a participação das editoras brasileiras nas principais feiras literárias mundiais, a capacitação do mercado editorial brasileiro e o relacionamento entre seus associados e possíveis compradores, visando ampliar a presença de nossa produção editorial no exterior e fomentar a internacionalização da indústria e do mercado nacional do livro.

 

 

Voltar
OKN Group