Notícias

Metabooks fecha com Cultura e comemora cobertura de 50% do varejo nacional de livros

Metabooks fecha com Cultura e comemora cobertura de 50% do varejo nacional de livros

PUBLISHNEWS, LEONARDO NETO, 14/02/2017

Plataforma alemã de gerenciamento de metadados chegou ao Brasil graças a uma parceria com a CBL

Com início das atividades efetivas marcado para o fim de fevereiro, a Metabooks, plataforma de gerenciamento de metadados desenvolvida pela MVB, empresa coligada à Feira do Livro de Frankfurt, que aportou no Brasil graças a uma parceria com a Câmara Brasileira do Livro (CBL), comemora a adesão da Livraria Cultura ao seu sistema. Em novembro passado, a plataforma (ainda chamada na época por Books in Print) já havia anunciado a adesão da Saraiva. Livraria da Vila, Leitura e Martins Fontes Paulista também já têm contratos fechados com a empresa. “A adesão da Livraria Cultura à plataforma Metabooks nos levou a completar um grupo de livrarias que responde por 50% das vendas no varejo. Este marco reforça a Metabooks como a plataforma que vai trazer qualidade e padronização ao registro dos metadados no mercado brasileiro”, comemora Ricardo Costa, CEO Metabooks Brasil.

Em passagem pelo Brasil, durante a Bienal do Livro de São Paulo, no ano passado, Ronald Schild, CEO da MVB, chegou a dizer que vivia o dilema do ovo e da galinha: “livreiros esperam que os editores forneçam seus dados. Os editores, por outro lado, exigem que a plataforma tenha um grande número de livrarias cadastradas antes de fazer o input dos seus dados”. Ao que parece, esse nó começa a ser desatado. Ricardo Costa afirma que os editores poderão começar a subir seus dados ainda no mês de fevereiro.

Para Luiz Antonio Torelli, presidente da CBL, a novidade faz jus ao empenho que a entidade fez para trazer a plataforma para o Brasil. “Esta conquista da Metabooks consolida o projeto e confirma publicamente o que já sabíamos: a parceria entre a CBL, a MVB e a Feira de Frankfurt é a melhor escolha para atender a esta necessidade premente do mercado livreiro no país”, comentou.

O gerenciamento de metadados é um dos principais gargalos do mercado editorial brasileiro. Uma boa gestão das informações do livro favorece a sua “descobertabilidade” e, consequentemente, amplia as possibilidades de vendas de livros. Atualmente, a Metabooks tem um concorrente de peso: o MercadoEditorial.Org, capitaneado por Eduardo Blucher e que já opera, tendo com seus principais clientes-varejistas a Amazon e a Estante Virtual.

 

Voltar
OKN Group